Daytours4u http://www.daytours4u.com/pt Dicas de Viagens Fri, 21 Sep 2018 16:00:31 +0000 en-US hourly 1 https://wordpress.org/?v=4.7.8 97283501 Os destinos top para viajar na primavera pela América do Sul e por que escolhê-los http://www.daytours4u.com/pt/daytours4u/destinos-top-para-viajar-na-primavera-pela-america-sul/ Fri, 21 Sep 2018 15:59:21 +0000 http://www.daytours4u.com/pt/?p=8020 Viajar na primavera pela América do Sul é uma sabia decisão por varias razões: as cidades não estão abarrotadas de turistas, pois a temporada alta é o verão que inicia em 21 de dezembro, os preços de hospedagens, voos e excursões normalmente são consideravelmente mais baixos nesses meses e o clima é perfeito para fazer [...]

The post Os destinos top para viajar na primavera pela América do Sul e por que escolhê-los appeared first on Daytours4u.

]]>

Viajar na primavera pela América do Sul é uma sabia decisão por varias razões: as cidades não estão abarrotadas de turistas, pois a temporada alta é o verão que inicia em 21 de dezembro, os preços de hospedagens, voos e excursões normalmente são consideravelmente mais baixos nesses meses e o clima é perfeito para fazer todo tipo de atividades dos city tours a pé e esportes extremos até experiências ecológicas ao ar livre.

Ainda que todos os destinos sul-americanos ofereçam aos turistas opções turísticas para passar umas excelentes férias, essas são as 5 cidades que destacamos na Daytours4u para viajar na primavera.

Primavera

Aproveite a primavera para fazer atividades ao ar livre em cidades da América do Sul / Foto: Daytours4u


Medellín: Primavera o ano todo ideal para as atividades ao ar livre

Medellín tem uma temperatura media anual de 22º C e por isso é conhecida como a Cidade da Eterna Primavera. Sem importar em que época do ano você viaje a Colômbia, sempre poderá visitar Medellín e aproveitar suas belezas naturais.

Nós te recomendamos particularmente que aproveite sua estadia para fazer excursões ao ar livre na própria cidade como o Tour a Pé Fernando Botero, onde conhecerá a obra de um dos artistas mais conhecidos da Colômbia, e o Tour Transformação de Medellín que te levará para descobrir como a cidade mudou nos últimos 40 anos, especialmente depois de Pablo Escobar.

Também te aconselhamos que conheça o entorno de Medellín para aproveitar um Dia em Guatapé e El Peñol e visitar com toda a família o Parque Ecoturístico Arví.

Tours en Medellín

No passeio a pé de Fernando Botero, em Medellín, você conhecerá o trabalho de um dos artistas mais reconhecidos da Colômbia / Foto: Daytours4u


Buenos Aires: Cultura e entretenimento a toda hora

A cosmopolita Buenos Aires é uma das cidades turísticas por excelência do cone sul. Nesta época do ano a cidade se veste de lilás com o florescimento do jacarandá árvores e arbustos típicos da América intertropical e subtropical-, as temperaturas favorecem as longas caminhadas pelas ruas e parques portenhos, e o sol se põe cada vez mais tarde.

Os city tours a pé e as experiências culturais são, provavelmente, as melhores atividades para fazer na primavera. Nossas recomendações para a temporada são o Tour a Pé San Telmo e La Boca, uma caminhada particular pelos bairros portenhos mais tradicionais, a Visita Guiada ao Teatro Colón, que inclui além do mais um percurso a pé pelo entorno do teatro para descobrir os detalhes arquitectônicos dos edifícios vizinhos, e o Tour Político: Traços de Buenos Aires, um passeio especialmente desenhado para conhecer as matizes da história e a sociedade argentina.

Se, além disso, você quiser descobrir o melhor da noite portenha, os shows de tango de Buenos Aires são as opções clássicas que nunca te decepcionam, enquanto que o Tour de Bares Speakeasy é um novo percurso pelas baladas mais top da cidade.

Tours en La Boca

Explore os locais emblemáticos de Buenos Aires com uma caminhada privada por San Telmo e La Boca / Foto: Travel Buenos Aires


Carmelo: O destino das escapadinhas românticas de uruguaios e argentinos

Carmelo é uma encantadora cidade do Rio da Prata, localizada no departamento de Colônia no Uruguai. A atração principal do lugar são seus extensos vinhedos, carregados de história e de romantismo. As atividades imperdíveis de Carmelo são, claro, as degustações de vinhos, no entanto, também tem espaço para a navegação e a pesca esportiva, tours ideais para fazer na primavera.

Devido a sua proximidade com Buenos Aires, Carmelo também é um lugar de escapadelas para os portenhos e todos os turistas que ficam na capital argentina. Por isso, uma das nossas recomendações no Rio da Prata para os domingos desta temporada é o Dia em Carmelo: Roteiro do Vinho Cacciola, que inclui as passagens de barco do Tigre a Carmelo e vice-versa, traslados de ônibus do porto e durante todo o dia em Carmelo, almoço e visita guiada às vinícolas El Legado, Cordano e Família Irurtia com degustação.

Tours en Carmelo

Se você estiver viajando em Buenos Aires, faça uma excursão de um dia a Carmelo e visite suas grandes vinícolas como El Legado / Photo: Daytours4u


Búzios: O descanso perfeito na beira do mar e muito próximo ao Rio de Janeiro

A cidade de Búzios é um destino de praia do Estado do Rio de Janeiro que você pode visitar em qualquer época do ano. Sua temperatura media anual é de 25º C e se viajar durante os meses da primavera sul-americana você terá a cidade somente para você.

Búzios também se destaca por sua vida noturna e os dois lugares que você não pode deixar de visitar são o passeio marítimo Orla Bardot e a Rua das Pedras onde se concentra a maior parte das baladas, restaurantes, centros comerciais e galerias de artesãos.

Se nos próximos meses você se hospedar no Rio de Janeiro e for passar lá a maior parte das suas férias no Brasil, reserve o Tour de um dia em Búzios e passe uma excelente jornada neste mágico lugar.

Tours en Búzios

Inclua em seu itinerário de viagem pelo Rio de Janeiro o passeio de um dia a Búzios: praia e diversão garantida / Foto: Daytours4u


Puerto Natales: Paisagens patagônicas para os amantes do frio

Todos os destinos sugeridos até agora tem um elemento em comum: o clima, com temperaturas acima dos 20º C. Agora se o que você está procurando é frio e paisagens patagônicas, Puerto Natales é nossa recomendação para você na época da primavera, especialmente porque são os meses onde tem menos chuvas e menos vento.

Saindo de Puerto Natales, uma cidade da Patagônia Chilena, você poderá conhecer atrações únicas da América do Sul como as Torres del Paine e a geleira Perito Moreno. Deixe-se conquistar por esta charmosa cidade chilena em cujas paisagens se recria o melhor da estepe e a floresta magalhânica e da Cordilheira dos Andes.

As excursões mais recomendadas para fazer saindo de Puerto Natales são o Tour a Torres del Paine, um passeio de 10 horas que inclui a visita à caverna Milondón, e o Tour à Geleira Perito Moreno, um full day que te levará à Patagônia Argentina para contemplar esta imponente maravilha natural.

Tours en Puerto Natales

A Patagônia é um lugar único no mundo; conheça as Torres del Paine de Puerto Natales no Chile e descubra sua magia / Foto: Daytours4u


Aproveite a primavera na América do Sul, tome o seu tempo para percorrer com tranquilidade cada destino e aproveitar agora os preços incríveis da temporada baixa. Viva as melhores experiências de viagem na América do Sul com a Daytours4u!

Por: Keilma Rojas, editora de Conteúdos Digitais da Daytours4u

The post Os destinos top para viajar na primavera pela América do Sul e por que escolhê-los appeared first on Daytours4u.

]]>
8020
6 coisas que você deve saber antes de viajar a San Andrés http://www.daytours4u.com/pt/colombia4u/coisas-que-voce-deve-saber-antes-de-viajar-a-san-andres/ Tue, 18 Sep 2018 19:30:41 +0000 http://www.daytours4u.com/pt/?p=8015 Mar azul, calor, sol, praia, água de coco, são provavelmente as imagens que vem na sua mente quando você pensa em San Andrés. Esta charmosa ilha do Caribe, pequena em extensão, mas grande em riqueza cultural e natural, tem sido tradicionalmente generosa com os turistas que a cada ano viajam para conhecer seu mar de [...]

The post 6 coisas que você deve saber antes de viajar a San Andrés appeared first on Daytours4u.

]]>

Mar azul, calor, sol, praia, água de coco, são provavelmente as imagens que vem na sua mente quando você pensa em San Andrés. Esta charmosa ilha do Caribe, pequena em extensão, mas grande em riqueza cultural e natural, tem sido tradicionalmente generosa com os turistas que a cada ano viajam para conhecer seu mar de 7 cores, aproveite as suas paradisíacas praias e se aventure a explorar os outros dois arquipélagos que a acompanham: Providência e Santa Catalina.

De qualquer maneira, para viajar a uma Ilha do Caribe como San Andrés, vale a pena ter em conta uma série de recomendações que podem fazer da sua estadia mais prazerosa, por isso aqui nós reunimos os conselhos dos nossos profissionais locais para que sua experiência na ilha de San Andrés seja inesquecível.

Tenha em mente as recomendações de nossos especialistas e aproveite cada segundo de suas férias na Ilha de San Andrés / Foto: Daytours4u


1. Você deve pagar um imposto para entrar na ilha

Este imposto tem um valor de aproximadamente USD$ 25 até hoje (08/2018) e se paga à companhia aérea durante o check-in. O recibo dever ser apresentado na entrada da ilha junto com o passaporte ou documento de identidade para os cidadãos do Mercosul. Este documento deve ser apresentado também ao sair da ilha, caso contrário terá que pagar uma multa. A arrecadação deste imposto se destina ao melhoramento da infraestrutura turística da ilha.


2. Tudo é mais caro que no continente

O custo do transporte de produtos de consumo básicos é a principal razão pela qual tudo é mais caro que no continente. Tem produtos que não são produzidos na ilha como o alface, por exemplo, e outros como o peixe, que apesar de ser um alimento típico da região, é mais caro que em outras cidades costeiras da Colômbia devido a que em 2012, durante o litígio sobre a soberania do território contra a Nicarágua, a Colômbia perdeu dentro da concessão ou devolução do mar territorial, 75 mil quilômetros de mar entre os quais se encontravam importantes bancos pesqueiros.


3. Os restaurantes fecham as 10 pm

Como em toda a Colômbia, o horário para jantar é entre as 19h e as 20h. Se você pegar no sono depois de um dia de praia, é provável que você fique sem jantar. A maioria dos restaurantes fecha a suas cozinhas a partir das 10 da noite e você só encontrará abertos lugares de comidas rápidas.


4. Todos os raizales são sanandresanos, mas nem todos os sanandresanos são raizales

o gentílico Sanandresano se refere ao nascido em San Andrés sem importar a sua procedência ancestral. Muitos Sanandresanos são mestiços provenientes do continente (interior da Colômbia), enquanto que o Raizal é um grupo étnico definido como o povo indígena originário de San Andrés, originado pela mistura entre britânicos que se assentaram nas ilhas abandonadas pelos espanhóis e africanos que foram trazidos para trabalhar nas suas plantações.

Aproveite a sua visita à ilha e conheça a cultura interessante dos raizales / Foto: Daytours4u


5. Em San Andrés se fala o Espanhol, o Inglês e o Crioulo Sanandresano (creole)

É muito comum escutar como o espanhol colombiano se mistura harmoniosamente nas conversas de rua com o idioma dos raizales, o Creole, ou crioulo. Esta língua é uma mistura do inglês, espanhol e africano que não só tem uma fonética própria como também uma construção gramatical diferente do inglês.


6. Ideal para os amantes das compras

Souvenirs, perfumaria, bebidas alcoólicas, equipamentos eletrônicos e outros produtos estão na ordem do dia em San Andrés. A ilha é um território livre de impostos, por onde os produtos importados podem chegar a ser até 26% mais baratos do que são na Colômbia continental (quase 10% do imposto de importação e 16% do IVA), só tem que ter em conta que a maioria dos locais só recebe pagamentos em dinheiro e que a conversão do dólar não favorece o comprador, portanto a recomendação é levar pesos colombianos.


A melhor recomendação, como em cada destino, é se animar a sair do resort, passar tempo com as pessoas do lugar, aprender sobre a gastronomia local e, sobretudo, aproveitar as suas belezas naturais sempre cuidando e respeitando o meio ambiente para que muitas gerações possam continuar apreciando seu encanto. O entorno natural de San Andrés e a amabilidade do insulano sem dúvida vai te apaixonar.

A ilha apesar de ser pequena (só tem 26 quilômetros), tem muitos cantos mágicos que valem a pena ser descobertos, para conhecê-los você pode ver aqui as atividades e tours disponíveis na ilha o ano todo.

Por: Equipe de Conteúdo da Daytours4u

The post 6 coisas que você deve saber antes de viajar a San Andrés appeared first on Daytours4u.

]]>
8015
Um fim de semana na Costa Central do Chile: Viña del Mar, Valparaíso e Isla Negra http://www.daytours4u.com/pt/chile4u/um-fim-de-semana-na-costa-central-do-chile/ Thu, 13 Sep 2018 14:11:27 +0000 http://www.daytours4u.com/pt/?p=8009 Esta matéria foi especialmente pensada para quem vai visitar o Chile por poucos dias. Em matérias anteriores já mencionamos os pontos turísticos de Santiago, por isso desta vez nós te propomos uma roteiro complementar por se tratar de um passeio que você pode fazer num fim de semana somente e que fica a uma pequena [...]

The post Um fim de semana na Costa Central do Chile: Viña del Mar, Valparaíso e Isla Negra appeared first on Daytours4u.

]]>

Esta matéria foi especialmente pensada para quem vai visitar o Chile por poucos dias. Em matérias anteriores já mencionamos os pontos turísticos de Santiago, por isso desta vez nós te propomos uma roteiro complementar por se tratar de um passeio que você pode fazer num fim de semana somente e que fica a uma pequena distância da capital. Vamos explorar um circuito do litoral central onde fica Viña del Mar, também chamada de a “Cidade Jardim”, depois o porto de Valparaíso, também conhecido como “A Pérola do Pacífico”, e terminaremos num dos mais importantes povoados costeiros que fazem parte do Litoral dos Poetas. Referimos-nos a Isla Negra, lugar onde viveu o famoso poeta e amante do mar Pablo Neruda.

Viña del Mar, também chamada de a “Cidade Jardim”, é um dos destinos favoritos para turistas e chilenos para visitar no verão / Foto: Chile Travel


Viña del Mar

Viña é uma das cidades mais importantes a nível turístico de todo Chile. Fica a 120 quilômetros de Santiago e você pode chegar até lá em duas horas e meia de viagem seja num veículo particular ou de ônibus de passageiros. Estes últimos saem todos os dias a cada vinte minutos dos terminais San Borja, Alameda e Pajaritos.

A primeira coisa que vai chamar a sua atenção ao chegar a esta cidade é o cuidado do entorno, os belos jardins dos parques e praças e a variada oferta de entretenimento e gastronomia. Viña é conhecida por seu cassino localizado num histórico edifício de estilo greco-romano, no qual o visitante encontrará elegantes e espaçosas salas onde poderá jogar uma infinidade de jogos de azar, dos barulhentos caça-níqueis até a clássica roleta e o Blackjack que não pode faltar.

Em Viña também fica um dos balneários mais frequentados pelos jovens, nos referimos a Reñaca cuja praia no verão lota e se transforma no cenário de eventos musicais ao ar livre. Muitos programas de televisão locais e internacionais também se instalam em Reñaca durante o verão para cobrir o Festival de Viña, o que dá ao lugar um toque de glamour e emoção nas noites de verão.

Agora, se você quiser um pouco mais de tranquilidade, Viña também conta com outras praias como os Marineros, Las Salinas e praia Estero. Outro panorama apto para toda a família é visitar o jardim botânico localizado no Parque Quinta Vergara. No seu interior fica o Palácio de Vergara, onde por sua vez se encontra o Museu de Belas Artes. Alguns outros edifícios também interessantes deste lugar são o Palácio Rioja, o Museu Fonck, o Museu Anquetín, o Palácio Carrasco, o castelo Wulff, ou o Teatro Municipal. No entanto, o cartão postal mais famoso de Viña fica no Relógio das Flores, um charmoso e colorido jardim de plantas e flores que formam os números e ponteiros de um relógio.

Dica de viagem: Em Viña del Mar você encontrará uma variada oferta hoteleira, mas nós te recomendamos que escolha um com vista para o mar. Os preços por um quarto duplo variam entre 50 USD e 245 USD. A diferença é notável, mas tem a ver principalmente com a localização do hotel, sua oferta interna de entretenimento e relaxamento (spa, restaurante, etc.) e a envergadura de suas instalações. De toda forma, não tem nada que um bom hotel boutique possa invejar ao melhor hotel de Viña se você vai só por uma noite.

O cartão postal mais famoso de Viña fica no Relógio das Flores / Foto: Chile Travel


Valparaíso

Valparaíso e Viña del Mar são cidades conurbadas, estão literalmente uma do lado da outra e você pode chegar lá de transporte público ou inclusive de taxi. No entanto, Valpo é muito diferente de Viña. Claro que se trata de uma questão de gosto, mas se você espera encontrar lindos e bem cuidados jardins como em Viña, nós te advertimos que este não será o caso. Então, você deve estar preparado para percorrer o porto principal do Chile com calma, pois se trata de uma cidade estranha que foi construída sem planejamento regulador, quer dizer surgiu de maneira caótica e orgânica.

Valparaíso tem um aroma a poesia, a tertúlias de artistas, a boemia e a melancolia de glorias passadas. É a cidade dos murais e dos grafitos, dos gatos e os cachorros de rua, dos tijolos sett e dos corredores. É um lugar em que a criatividade flui sem limites, e isso pode ser apreciado não só nas suas paredes, se não também nos centenas de espaços culturais e nos ateliers que muitos artistas têm decidido instalar lá.

Os atrativos turísticos de “Valpo” podem ser apreciados desde o primeiro momento em que você chegar à cidade, começando por seu particular transporte público. Por estar localizada sobre várias serras, as autoridades tiveram que desenvolver um sistema de elevadores que conectaram diferentes pontos do asfalto com os bairros que ficam mais alto, que alivia bastante a caminhada que de outra forma devia ser feita subindo as escadas de infinitos degraus. Também foram conservados os antigos trólebus ou “trolleys”, um tipo de ônibus que são abastecidos da energia dos cabos que ficam pendurados sobre as ruas pelas quais eles circulam. Estes começam seu percurso no asfalto e chegam até Cerro Alegre e Cerro Concepción, sem dúvida os bairros mais turísticos de Valparaíso. Uma vez que você esteja lá encontrará uma variada oferta de hostels e hotéis boutiques (não grandes hotéis).

Em Valparaíso o melhor panorama é simplesmente caminhar, é uma cidade para se perder, explorar e tirar fotos. Nós te recomendamos que você visite a praça Bismarck, o passeio iugoslavo, a passagem Atkinson, o elevador do Cerro Polanco, a praça da matriz e o Mercado. Se for a este último, você não pode perder a oportunidade de comer um bom prato de peixe frito com acompanhamento ou uma paila marina, pratos muito frescos e a preços populares (7 USD aproximadamente).

Em Valparaíso o melhor panorama é simplesmente caminhar, é uma cidade para se perder, explorar e tirar fotos / Foto: Daytours4u


Dica de viagem: Hospedar-se nas serras de Valpo não é recomendável para pessoas com algum tipo de deficiência física, pela simples razão de que terão que subir e descer escadas e caminhar por ruazinhas que nem sempre tem o asfalto ou os tijolos de sett nas melhores condições. Para este tipo de visitantes o mais confortável será se hospedar no centro do asfalto, e pegar taxis no caso de querer visitar algum bar, restaurante ou museu que fica nas serras.

Os alojamentos em hotéis boutique de Valparaíso normalmente têm os mesmos preços que em Viña del Mar ainda que não incluam spa ou restaurante dentro de suas instalações. Isso acontece, porque em geral se trata de edifícios restaurados com valor patrimonial e arquitetônico, e em outros casos porque foram desenhados por conhecidos artistas ou decoradores de interiores. Então, o que é cobrado do turista é também a experiência estética de se hospedar num lugar com estas características. Sem dúvida a opção mais econômica e não menos recomendável é se hospedar num hostel, que normalmente é a opção mais utilizada pelos jovens turistas estadunidenses e europeus. Uma noite num quarto individual no Cerro Alegre pode custar em média uns 60 USD por noite e 30 USD se for um quarto dividido.


Isla Negra

Vamos supor que seja domingo de manhã e que você esteja tomando café da manhã em Valparaíso olhando o mar e se arrumando para partir rumo a Isla Negra, aqui você tem as indicações necessárias para chegar: você deve ir ao terminal de ônibus localizado na rua Pedro Montt e comprar uma passagem na companhia Peñuelas Pullman Bus. Esta passagem custa uns 5 USD em temporada baixa e 7 USD em temporada alta aproximadamente. A viagem tem uma duração de uma hora e meia, então você poderá dormir um pouco e se recuperar caso tenha experimentado a noite portenha na jornada anterior.

Ao chegar a Isla Negra você experimentará o contraste com o que viu em Viña e Valpo, já que agora encontrará um povoado muito menor e rústico de casas baixas de madeira e alguns casarões antigos da velha aristocracia de Santiago. Originalmente chamado Las Gaviotas, o povoado mudou oficialmente de nome logo depois de que Pablo Neruda se apaixonou por este lugar e o batizou de novo com o seu nome atual. Alguns dizem que ele colocou o nome de Isla Negra por ser o refugio que o poeta escolheu para se isolar do mundo quando voltou da Europa, período em que ele escreveu uma das suas obras-primas, o Canto Geral.

Não se trata de um balneário propriamente dito, já que a praia está obstaculizada por extensos e escuros rochedos. Isla Negra é um lugar onde o turista poderá se conectar com a impressão emotiva que invadiu Neruda a primeira vez que ele viu as ondas furiosas do Pacífico bater na costa acidentada. Sem dúvida aqui a maior atração é a casa museu do poeta, que ele foi ampliando e reformando de pouco a pouco até transformá-la na sua preferida, já que no total teve três casas. As outras duas são Chascona e a Sebastiana. O ingresso geral para a casa de Isla Negra tem um valor de 6,5 USD e os horários de atendimento são de terça-feira a domingo de 10 a 18 hs.

A maior atração de Isla Negra é o museu da casa de Pablo Neruda; a entrada tem um valor de 6,5 USD / Fonte


Dica de viagem: Uma vez que você tenha terminado a sua visita a casa de Neruda, tal vez tenha vontade de comer antes de voltar a Santiago. Nós te recomendamos um restaurante que se chama El Rincón de la Florencia que fica a poucos metros. Você não se arrependerá, lá encontrará pratos típicos e abundantes elaborados com produtos frescos do mar, carnes, pão amassado e também cardápio para crianças. Bons preços e o melhor atendimento. Uma comida para duas pessoas pode chegar a custar uns 48 USD.

Reserve aqui os melhores tours e atividades no Chile!

Por: Brian Gray, antropólogo e muralista chileno especialista na cultura visual urbana.

The post Um fim de semana na Costa Central do Chile: Viña del Mar, Valparaíso e Isla Negra appeared first on Daytours4u.

]]>
8009
Por que o Uruguai é o melhor destino LGBT da América do Sul? http://www.daytours4u.com/pt/uruguay4u/uruguai-e-o-melhor-destino-lgbt/ Tue, 04 Sep 2018 15:28:11 +0000 http://www.daytours4u.com/pt/?p=8003 Faz mais de 5 anos que o Uruguai encabeça as listas dos destinos gay friendly da América Latina e faz parte do top 10 dos países do mundo que respalda com ações concretas a diversidade. Dois exemplos emblemáticos destas ações inclusivas são o casamento entre pessoas do mesmo sexo e a lei de adoção para [...]

The post Por que o Uruguai é o melhor destino LGBT da América do Sul? appeared first on Daytours4u.

]]>

Faz mais de 5 anos que o Uruguai encabeça as listas dos destinos gay friendly da América Latina e faz parte do top 10 dos países do mundo que respalda com ações concretas a diversidade. Dois exemplos emblemáticos destas ações inclusivas são o casamento entre pessoas do mesmo sexo e a lei de adoção para famílias homoparentais, que tem tido um impacto positivo em todos os setores da sociedade uruguaia, incluindo o turismo.

Uruguai celebra o Mês da Diversidade em setembro como parte de seu compromisso com a comunidade LGBT / Foto: Câmara de Comércio e Negócios LGBT do Uruguai


O compromisso do Uruguai com a comunidade de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, intersexuais e queer (LGBT+) se fortalece a cada ano, especialmente em setembro quando se celebra o Mês da Diversidade. Por causa desta festividade anual, conversamos com Sergio Miranda, diretor da Friendlymap Magazine e vice-presidente da Câmara de Comércio e Negócios LGBT do Uruguai, que nos explicou por que o Uruguai continua sendo o melhor destino LGBT+ da América do Sul.

1. O Uruguai é o melhor destino LGBT da América do Sul? Por quê?

O Uruguai foi catalogado em mais de uma oportunidade como um dos destinos mais gay friendly da América Latina e do mundo por diversos guias e revistas de referência no mundo do turismo. O Uruguai conta com um marco legislativo que é exemplo no mundo de respeito e proteção de direitos: lei antidiscriminação, lei de adoção para famílias homoparentais, lei de reprodução assistida, lei de união estável e lei de casamento entre pessoas do mesmo sexo. Além disso, é um dos poucos países que recebe a mesma quantidade de turistas que toda a sua população, cifras que o posicionam como líder em matéria de turismo todo o ano.

2. Quais são as cidades mais gay friendly do Uruguai?

Em primeiro lugar, Montevidéu. Depois, Colônia do Sacramento, Punta del Este e os balneários La Pedrera, Punta del Diablo e Cabo Polonio em Rocha.

Uruguay es el mejor destino LGBT

Além de Montevidéu, os balneários de Rocha são considerados locais gay friendly no Uruguai / Foto: Daytours4u


3. O que falta fazer para que o Uruguai continue se consolidando como o melhor destino LGBT da América do Sul?

Mais e melhores serviços dirigidos especificamente para este setor, mais campanhas na mídia nacional e também internacional, mais participação nas feiras e eventos internacionais temáticos sobre este setor, e continuar com as capacitações e profissionalização de nossos recursos humanos.

4. Por que você recomendaria à comunidade LGBT do mundo que venha ao Uruguai para fazer turismo?

Por tudo que foi exposto anteriormente, por ser um país amigável que pode receber aos seus visitantes todo o ano, onde se sentirão respeitados, à vontade e poderão aproveitar a sua estadia com tudo o que o país tem para oferecer.

5. Que lugares de Montevidéu e Punta del Este recomendaria à Comunidade LGBT visitar na sua próxima viagem ao Uruguai?

Em Montevidéu, além de visitar todos os seus pontos turísticos, os lugares onde se sentirão a vontade são:

Splendido Petit Hotel & Hostel
Mercado Agrícola de Montevideo (MAM)
Restaurante Francis
La Cocina de Pedro, o restaurante mais gay friendly do Uruguai
Cafetería che.co.ffee
Disco Il Tempo
Chains Club
Cain Disco
Sauna Horus
Sauna Toronto

Em Punta del Este recomendo o Undarius Hotel (gay men exclusive) e o Restaurante Soho.


O Uruguai é, sem dúvida, um exemplo sul-americano de inclusão e respeito à diversidade. Viva as melhores experiências de viagem no Uruguai com a Daytours4u e aproveite totalmente suas férias neste charmoso país.

Por: Keilma Rojas, editora de Conteúdos Digitais da Daytours4u

The post Por que o Uruguai é o melhor destino LGBT da América do Sul? appeared first on Daytours4u.

]]>
8003
Colombia4u: Do digital para o local http://www.daytours4u.com/pt/colombia4u/colombia4u-digital-para-o-local/ Tue, 28 Aug 2018 12:00:27 +0000 http://www.daytours4u.com/pt/?p=7998 A Colombia4u, o site de reservas de tours e atividades da Daytours4u dedicado ao destino Colômbia, se transformou recentemente em operador local e agora conta com seu próprio Registro Nacional de Turismo, um escritório em Bogotá, ampliação dos meios de pagamento para estrangeiros e colombianos e representante local especializado no destino. Esta transformação do digital [...]

The post Colombia4u: Do digital para o local appeared first on Daytours4u.

]]>

A Colombia4u, o site de reservas de tours e atividades da Daytours4u dedicado ao destino Colômbia, se transformou recentemente em operador local e agora conta com seu próprio Registro Nacional de Turismo, um escritório em Bogotá, ampliação dos meios de pagamento para estrangeiros e colombianos e representante local especializado no destino. Esta transformação do digital para o local é um retorno às origens do turismo de experiências que tem como objetivo oferecer aos turistas do mundo as excursões e atividades mais autênticas da Colômbia.

Colombia4u

A Colombia4u se transformou em operador local e esta transformação se traduzirá em novas e autênticas experiências de viagens para estrangeiros e colombianos


Nesta nova etapa, a Colombia4u continuará oferecendo o melhor serviço aos turistas que procuram descobrir as maravilhas naturais e a diversidade que a Colômbia e a sua população oferecem, e atenderá igualmente a alta demanda dos grupos particulares e empresas colombianas que organizam viagens de incentivo dentro do território nacional, que confiam na seleção das experiências que são oferecidas, pois respondem a três premissas fundamentais: qualidade, autenticidade e impacto positivo tanto para o turista como para a comunidade local.

Ser operador turístico local contribui, além do mais, para a ampliação do catálogo de tours e atividades da Colombia4u, pois impulsiona a criação de novos projetos feitos por outras empresas e empreendimentos colombianos, assim como o desenvolvimento de iniciativas próprias que respondam às expectativas de diferentes tipos de turistas: daqueles que procuram aventuras no Triângulo do Café, até casais que escolhem o romantismo da paradisíaca costa de San Andrés, passando pelos turistas mais intrépidos que procuram excursões personalizadas nos lugares remotos como o Amazonas.

Além dos city tours clássicos pelas principais cidades da Colômbia e os passeios guiados pelas atrações emblemáticas do país, a Colombia4u oferecerá novas formas de descobrir esses fantásticos pontos turísticos e experiências orientadas para conhecer a riqueza cultural local mais além dos destinos de sempre. Cada canto deste mágico país esconde paisagens indescritíveis e histórias fascinantes das quais nenhum turista poderia resistir.

Na Colombia4u trabalhamos para que os turistas de todo o mundo tenham a oportunidade de viver a verdadeira experiência colombiana, sempre acompanhados de uma equipe multicultural, comprometida, responsável, que fala seu idioma e compreende suas necessidades. Unam-se as nossas redes sociais no Facebook e Instagram e encontre sua próxima aventura pela Colômbia na www.colombia4u.com.

Escrito por: Equipe de Conteúdos da Daytours4u

The post Colombia4u: Do digital para o local appeared first on Daytours4u.

]]>
7998
5 festas populares do Uruguai e uma noite nostálgica “de yapa*” http://www.daytours4u.com/pt/uruguay4u/festas-populares-do-uruguai/ Tue, 21 Aug 2018 13:55:51 +0000 http://www.daytours4u.com/pt/?p=7688 Ainda que o carnaval no Uruguai seja a festa urbana mais importante por excelência e durante fevereiro existem celebrações e desfiles por todas as capitais do país, para conhecer as tradições rurais e folclóricas nacionais as oportunidades não são tão abundantes. No entanto, aqui nós te oferecemos a lista de alguns festivais e festas populares [...]

The post 5 festas populares do Uruguai e uma noite nostálgica “de yapa*” appeared first on Daytours4u.

]]>

Ainda que o carnaval no Uruguai seja a festa urbana mais importante por excelência e durante fevereiro existem celebrações e desfiles por todas as capitais do país, para conhecer as tradições rurais e folclóricas nacionais as oportunidades não são tão abundantes. No entanto, aqui nós te oferecemos a lista de alguns festivais e festas populares do Uruguai, apropriados tanto para ir com toda a família como para grupos de jovens, que relembram a cultura gaúcha das épocas da colônia e das primeiras décadas da vida independente, onde além de se distrair um pouco você poderá aprofundar seus conhecimentos sobre a história do país.

Lembre-se que, diferentemente de outros países latino-americanos com maior presença indígena, no Uruguai os ancestrais são os gaúchos e todas as suas tradições. Não é à toa que os uruguaios dizem que não fazem favores e sim fazem “uma gauchada”.

Os festivais populares do Uruguai são adequados para ir como uma família e para grupos de jovens / Fonte

1. Festa da Pátria Gaúcha (Tacuarembó)

Localizada no centro do Uruguai, a uns 400 quilômetros de Montevidéu, a cidade de Tacuarembó se transforma todos os anos no núcleo das tradições gaúchas do país durante a “Festa da Pátria Gaúcha”, celebração que se realiza anualmente entre março e abril, antes da Semana do Turismo (Semana Santa). Ao redor da sua lagoa Las Lavanderas são construídos a cada ano ranchos de barro da época da colônia, inclusive existem competições, e durante seis dias fazem fogueiras, rodeios, atividades campestres, espetáculos com cavalos e shows, alguns folclóricos com pajens e danças típicas, enquanto outros são um pouco mais modernos, mas sempre relacionados com a cultura popular.

Quem for até a cidade pode aproveitar para visitar o Valle Edén, um pequeno lugar a 23 quilômetros da cidade de Tacuarembó, onde existe uma pitoresca estação de trem desativada e um museu do cantor de tangos e ator Carlos Gardel, devido à hipótese da maioria dos uruguaios de que “el zorzal criollo” nasceu lá.

Quando: A edição 2018 da Festa da Pátria Gaúcha será a Nº 32 e se realizará da terça-feira 6 até domingo 11 de março. Mais informações na página www.patriagaucha.com.uy.


2. Festival do Olimar (Treinta y Tres)

As margens do rio, Olimar, a cidade de Treinta y Tres, recebe no começo de cada Semana do Turismo (Semana Santa) a umas 30 mil pessoas no que provavelmente seja o maior festival folclórico do país. Os integrantes do famoso dueto folclórico Los Olimareños, José “Pepe” Guerra e Braulio López, oriundos desta cidade, normalmente estão presentes na lista de atrações do evento, junto a outros representantes da música popular uruguaia, que também se apresentam vários dias, assim como bandas modernas nacionais de rock, pop e cumbia.

Além disso, a uns 35 quilômetros da cidade de Treinta y Tres indo pela estrada 8 e depois por uma pitoresca estrada de terra, La Quebrada de los Cuervos oferece a oportunidade de realizar uma trilha pela serra, em um parque reserva onde inclusive você pode acampar ou alugar cabanas.

Quando: A edição 2018 do Festival do Olimar será o Nº 46 e se realizará de sábado 24 de março a domingo 1° de abril (pendente de confirmação). Para obter mais informações, por favor, ligar para a prefeitura de Treinta y Tres (+598 4452 2108) ou escrever para prensa@treintaytres.gub.uy e turismo@treintaytres.gub.uy.

El Festival de Olimar es, probablemente, el mayor evento folclórico del país

3. Semana da Cerveja (Paysandú)

Ainda que o nome sugira uma espécie de Octoberfest ao estilo alemão, não se confunda. O nome dessa festa tradicional do norte uruguaio faz referência à fábrica de cerveja Norteña, que funcionou por décadas nesta parte do país e foi o principal patrocinador deste festival que se realiza na Semana do Turismo (Semana Santa) às margens do rio Uruguai, o “paterno” como a população local o chama, e oferece vários dias de espetáculos no anfiteatro que está localizado lá, com capacidade para 20 mil pessoas sentadas. Para completar o evento, nesse momento do ano, dezenas de stands ecléticos se instalam no local com propostas que vão do artesanal e campestre uruguaio a outras curiosidades.

Além disso, o norte uruguaio oferece vários centros de águas termais: Guaviyú, Daymán, Arapey e Almirón, este último com a diferença de ser de água salgada. O melhor momento para visitar é na metade da estação, que coincide justamente com as datas em que se celebra esta festa.

Quando: A edição 2018 da Semana da Cerveja será a Nº 53 e se realizará do sábado 24 de março a domingo 1° de abril. Mais informações na web www.paysandu.gub.uy/semana-de-la-cerveza.

A Semana da Cerveja é celebrada em um anfiteatro com capacidade para 20 mil pessoas / Fonte

4. ExpoPrado (Montevidéu)

Na primavera, durante uns 10 dias, a zonal rural uruguaia se reúne no bairro de Prado em Montevidéu graças a Exposição Internacional de Agropecuária e Exposição Internacional Agroindustrial e Comercial (ExpoPrado), que combina exposições de todo tipo e atividades com cavalos e propostas culturais.

Ainda que o bairro de Prado não esteja presente na maioria dos folhetos turísticos de Montevidéu, conta com outras atrações vizinhas ao prédio da ExpoPrado, como El Rosedal (localizado na Av. Delmira Agustini esquina com Av. Buschental; nesta época do ano todas as suas roseiras já floresceram), o Jardín Botânico (porta de acesso pela calle 19 de Abril 1181) e o Museu de Belas Artes Juan Manuel Blanes (Av. Millán 4015), que possui um pequeno jardim japonês em suas instalações.

Quando: A edição 2018 da ExpoPrado será a Nº 113; sua data ainda não estava confirmada no momento da redação desta matéria, ainda que a estimativa seja que o evento aconteça, como a cada ano, no mês de setembro. Mais informações na página www.expoprado.com.

O ExpoPadro é uma feira que oferece atividades muito variadas, especialmente para crianças / Fonte

5. Fim de semana do Patrimônio (todo o país)

Uma vez por ano as portas de escritórios, empresas e outros lugares não tradicionais no Uruguai se abrem para que o público possa conhecer seu interior e história, enquanto que museus, praças e outros lugares de maior movimento organizam exposições e espetáculos especiais para os visitantes.

Este dia foi celebrado pela primeira vez em 1995 com o nome de “Dia do Patrimônio” e em sua evolução foi adquirindo um tema central por ano, entre os temas das edições anteriores estão o tango, a arquitetura uruguaia e o teatro nacional, e pessoas importantes como o ícone nacional José Artigas, o artista plástico Joaquín Torres García e o historiador Horacio Arredondo, entre outros.

Quando: A edição 2018 do Fim de Semana do Patrimônio será a Nº 24; sua data ainda não estava confirmada no momento da redação desta matéria, ainda que a estimativa seja que o evento aconteça no último quadrimestre do ano. Mais informações na página www.patrimoniouruguay.gub.uy.


6. Noite da nostalgia (todo o país)

Diferentemente das festas anteriores, a Noite da Nostalgia não tem vínculo com as tradições rurais do país e sim é totalmente urbana, mas como seu nome sugere, está relacionada com a melancolia típica uruguaia pelo passado, por isso decidimos incluí-la na nossa lista.

É celebrado na noite do dia 24 de agosto em todo o país. No dia 25 de agosto no Uruguai é feriado pela Declaração da Independência, por isso poucas pessoas têm que madrugar. E a programação musical está baseada nas décadas de 60’, 70’ e 80’, ainda que recentemente adicionaram também a música dos anos 90’ e do princípio dos anos 2000. A celebração se realizou pela primeira vez em 24 de agosto de 1978, quando o Dj Pablo Lecueder, proprietário nesse momento do CX-32 Radiomundo, organizou uma festa com músicas antigas de sucesso, que era o tema do seu programa de radio “Old hits”, e com o passar dos anos a proposta foi sendo adotada por outras baladas e casas noturnas.

Ainda que o nome oficial (“Noite da Nostalgia”) está patenteado pelo seu criador, quem visitar o Uruguai no final de agosto receberá dezenas de propostas de festas com música de todos os tempos. E ser jovem no dia 24 de agosto não é requisito para aproveitar a noite, de fato é o dia do ano onde os adultos mais velhos saem para dançar, alguns inclusive disfarçados com perucas black power e cheios de brilhos e lantejoulas como em “Os Embalos de Sábado à Noite”.

A Noite da Nostalgia é celebrada no dia 24 de agosto; é o dia do ano em que os adultos mais velhos saem para dançar / Fonte

Se você deseja incluir no seu itinerário de viagem excursões originais que te permitam viver uma experiência autêntica da cultura popular uruguaia, não perca o catálogo de tours da Uruguay4u, que inclui na sua oferta o Tour Estâncias Campestres saindo de Montevidéu e a Experiência Garzón e Villa Toscana saindo de Punta del Este. As reservas são feitas online e você conta com uma equipe de especialistas que têm as melhores dicas de viagem para este destino.

*Yapa: locução adverbial sul-americana que significa por adição.

Por: Carina Fossati, uruguaia, jornalista e autora do blog Hills To Heels

The post 5 festas populares do Uruguai e uma noite nostálgica “de yapa*” appeared first on Daytours4u.

]]>
7688
12 Atrações para Crianças em Buenos Aires http://www.daytours4u.com/pt/bsas4u/criancas-em-buenos-aires/ http://www.daytours4u.com/pt/bsas4u/criancas-em-buenos-aires/#comments Thu, 16 Aug 2018 12:00:15 +0000 http://bsas4u.com/blog/pt/?p=1960 Viajando com filhos pequenos? Leia nossas recomendações do que fazer com as crianças em Buenos Aires com atrações para toda a família!

The post 12 Atrações para Crianças em Buenos Aires appeared first on Daytours4u.

]]>

Buenos Aires é uma cidade famosa pelo Tango, por sua arquitetura e os maravilhosos vinhos, mas você sabia que ele também é um destino de férias ideal para toda família? Todo fim de semana você vai encontrar centenas de famílias em cada canto da cidade desfrutando de tudo que oferece a capital argentina. Se você está planejando viajar à Argentina, não hesite em levar seus filhos com você. Há uma infinidade de coisas divertidas para fazer com as crianças em Buenos Aires.

Há uma infinidade de coisas divertidas para fazer com as crianças em Buenos Aires / Fonte


1. Brincando de faz-de-conta: Museo de los Niños

O Museo de los Niños é um museu interativo onde as crianças podem aprender sobre várias profissões diferentes, enquanto brinca e se diverte. É voltado para crianças com idade até dez anos. No Museu das Crianças, eles podem fingir ser médicos, dentistas, cozinheiros, construtores, jornalistas e muito mais. Você também vai encontrar versões em miniatura de monumentos famosos em Buenos Aires, como La Casa Rosada, o prédio do Congresso e do Banco Nacional.

Horário de funcionamento: terça a domingo e feriados das 13h às 20h. // Entrada Kids: A $ 250 (sábado e domingo A $ 280), Adultos: A $ 100


2. Para crianças artistas: Buenos Aires Pólo Circo

Localizado no Parque Patricios, o Buenos Aires Polo Circo é um programa criado pelo governo da cidade para promover as artes circenses. São três tendas permanentes com espetáculos regulares e preparados para diferentes faixas etárias. Os shows são muito divertidos, e não só para as crianças, pois as apresentações incríveis dos acrobatas são capazes de impressionar os papais também.

Confira no site oficial para saber horários e preços atualizados dos espetáculos.

crianças em buenos aires

Viva uma experiência circense inesquecível no Polo Circo / Fonte


3. Conectando-se com animais no Temaikén Bioparque

Leve seus filhos para conhecer a vida selvagem em uma aventura divertida e interativa no Temaikén Bioparque. O parque é uma fundação que foi criada com o objetivo de proteger espécies animais e vegetais específicas para educar o público de todas as idades sobre a conservação de espécies. Há um enorme catálogo de atividades infantis dentro do parque. Algumas das principais atrações incluem um enorme aquário, uma fazenda típica argentina com animais de campo, centros interativos e sessões para ver de perto os hipopótamos e aves de rapina. Vale muito a pena fazer uma visita guiada no Temaikén Bioparque para entrar em contato com diversos animais.

Reserve uma visita guiada no Temaikén Bioparque


4. Para quem gosta de adrenalina: Parque de La Costa

Situado na ilha de Tigre, o Parque de la Costa é um parque de diversões com atrações para toda a família, desde carrosséis a radicais montanhas-russas! Durante o verão, recomendamos visitar em dias de semana, pois é quando há menos pessoas e a entrada é mais barata. Um novo parque aquático, Aquafan , abriu recentemente ao lado, perfeito para um dia quente de verão. Para chegar à Tigre, tome o trem Mitre da estação de Retiro, em Buenos Aires e desça na última estação.

Horário de funcionamento: varia de acordo com a estação. Sextas, sábados e domingos de 11:00 até às 18:00 // Entrada: $ 200 pesos argentinos

O Parque de la Costa é repleto de montanhas-russas e passeios para toda a família / Fonte


5. O paraíso dos curiosos: Museu Prohibido No Tocar

Este Museo Participativo de Ciencias no Centro Cultural Recoleta é um museu interativo fascinante, ideal para as crianças curiosas. Como o nome sugere (proibido não tocar), a ideia é interagir com as coisas. O museu também tem uma ótima localização, no coração da Recoleta e perto do famoso Cemitério da Recoleta.

Horário de funcionamento: terça a sexta de 10:00 às 17:00, sábados, domingos e feriados das 15:30 às 19:30 // Entrada: $ 180 pesos argentinos


6. Museo de Ciencias Naturales: Mundo dos Dinossauros

Um pouco fora do roteiro turístico popular, o Museo Argentino de Ciencias Naturales é perfeito para as crianças que amam dinossauros e tudo relacionado à Pré-história. Se você visitar o museu no fim de semana , combine com uma visita ao seu vizinho, o Parque Centenario. Chegar lá é muito fácil: de táxi ou de metrô, pois está há 5 quadras da estação Angel Gallardo da Linha B.

Horário de funcionamento: segunda a domingo das 14:00 às 19:00 // Entrada: $ 50 pesos argentinos


7. Experiência futebolística no Museo de la Pasión Boquense

Localizado embaixo do estádio La Bombonera, estádio do time Boca Juniors, é um museu inteiramente dedicado ao famoso time de futebol. O Museo de la Pasión Boquense tem todos os dados, fatos e números relacionados ao time e aos jogadores, além de exibir troféus, camisas e uma homenagem ao jogador mais famoso do clube, o Maradona. Sem dúvida, os mini fãs de futebol vão se divertir bastante por aqui!

Visite um estádio de lendas, La Bombonera em La Boca / Fonte


8. Curtindo a natureza com as crianças nos Bosques de Palermo

Nem tudo é feito de concreto e arranha-céus em Buenos Aires. O bairro de Palermo é o lar de uma enorme rede de parques chamado Bosques de Palermo. Aqui você pode alugar patins, bicicletas e pedalinhos no lindo lago que os contorna em meio a um cenário natural inspirador. Relaxe tranquilamente na grama, ou passeie pelo belo El Rosedal, um parque com diversas flores e rosas por todos os lados – principalmente na primavera. Nesta mesma zona você pode conhecer o Jardim Botânico e Jardim Japonês.


9. Para ver as estrelas: Planetário Galileo Galilei

Este impressionante edifício em forma de cúpula tem cinco andares e tem a forma esfera gigante, apoiada por três grandes arcos. Além dos usos astronômicos, o Planetário oferece uma série de outros recursos para manter seu filho entretido, tais como exposições interativas, atividades infantis e inclusive um teatro.

Confira a lista completa de shows aqui, com horários e preços atualizados.

O Planetário oferece uma programação para crianças e adultos / Fonte


10. Entretenimento em dobro na República de los Niños

República de los Niños é o lugar para viver um dia perfeito em família especialmente viajantes com mais de tempo  de viagem durante suas férias em Buenos Aires e que querem descobrir mais dos arredores de Buenos Aires. A Republica de los Niños está localizada na cidade de La Plata (a 55 km do centro de Buenos Aires). Recomendamos reservar um dia inteiro para visitar o parque, para que os pequenos possam se divertir por horas e horas! O parque temático tem uma cidade em miniatura, incluindo mini-réplicas de edifícios governamentais da Argentina, onde as crianças podem aprender mais sobre a cultura argentina. Para chegar, você pode tomar o ônibus a La Plata, que sai do terminal de ônibus na estação de Retiro, ou tomar um trem da estação Constitución.

Horário de funcionamento: Seg a Sex, de 10:00 às 18:00. Sábados, domingos e feriados,de 09:00 às 19:00 // Entrada: $ 20 pesos argentinos, crianças menores de 7 anos entram de graça.


11. Programação especial para bebês: Teatro del Ángel

Buenos Aires tem uma oferta abundante de espetáculos teatrais voltadas para crianças. Liderando o grupo está o Teatro del Ángel, que se concentra em projetos atraentes para crianças e jovens. Bem como peças de teatro, também conta com programação de eventos de arte, oficinas culturais e fornecimento de materiais didáticos em salas especialmente equipadas para as crianças e suas famílias.


12. Desfrutando de um delicioso café na Casa Muamor

O conceito da Casa Muamor é simples, mas genial: um lindo café onde você pode relaxar, combinado com uma sala de jogos que tem tudo para manter as crianças entretidas se divertindo. A diversão vai de brinquedos a livros e um quadro negro para desenhar tudo o que a imaginação delas pode alcançar. As crianças ficam sob os cuidados de uma atendente da Casa, para ter certeza de que tudo ocorra da melhor  maneira possível. E, para melhorar, você também encontra um mini mercado com sanduíches, frozens e cookies, além de guloseimas e alfajores!

Endereço: Soler 4202 / Horário: 08:30 às 21:00

Na Casa Muamor, você encontrará diversas atividades focadas na criatividade e diversão / Fonte


Como você pode perceber, a lista de coisas para fazer com as crianças em Buenos Aires é interminável. Não vão faltar atividades para entreter seus filhos enquanto viajam pela Argentina, a programação vale para toda a família.

Reserve suas férias em Buenos Aires com os passeios para toda família em Bsas4u!

Por: Camilla Day / Adaptação: Luiza Cavalcante

The post 12 Atrações para Crianças em Buenos Aires appeared first on Daytours4u.

]]>
http://www.daytours4u.com/pt/bsas4u/criancas-em-buenos-aires/feed/ 1 1960
10 Imperdíveis Atrações em Puerto Madryn http://www.daytours4u.com/pt/argentina4u/atracoes-em-puerto-madryn/ Wed, 08 Aug 2018 19:00:55 +0000 http://daytours4u.com/pt/?p=5191 Observar baleias é uma experiência única e incrível para os viajantes de todo o mundo, crianças e adultos, que querem ver de pertinho esses adoráveis gigantes do oceano. Um dos melhores lugares do mundo para ver baleias é, na costa de Puerto Madryn, Argentina. Graças ao grande número de baleias e o pouco fluxo de turistas, Puerto Madryn desenvolveu uma [...]

The post 10 Imperdíveis Atrações em Puerto Madryn appeared first on Daytours4u.

]]>

Observar baleias é uma experiência única e incrível para os viajantes de todo o mundo, crianças e adultos, que querem ver de pertinho esses adoráveis gigantes do oceano. Um dos melhores lugares do mundo para ver baleias é, na costa de Puerto Madryn, Argentina. Graças ao grande número de baleias e o pouco fluxo de turistas, Puerto Madryn desenvolveu uma gama de serviços de turismo de alta qualidade para os visitantes, mantendo o foco na sua vida selvagem e conservação. Mas as baleias não é a única razão pela qual você deve visitar este Patrimônio Mundial da UNESCO. Há uma série de outras atividades e atrações em Puerto Madryn.

Aqui estão 10 razões para incluí-lo em seu itinerário:

Looking down at a Southern Right Whale in the water

As baleias visitam a costa de Puerto Madryn a cada ano para levar seus filhotes à um lugar seguro / Fonte


1. Admirar-se com a Observação de Baleias

Entre os meses de Setembro e Dezembro, Puerto Madryn tem o privilégio de receber no seu litoral a visita das baleias francas-austrais (Eubalaena australis). A experiência de aproximar-se destas curiosas criaturas que governam o Oceano Atlântico é simplesmente indescritível. O tour de Observação de Baleias é muito organizado e conta com guias especializados que enriquecem a atividade. Uma boa oportunidade para sentir o poder da natureza, aprender mais sobre a vida marinha e conhecer a importância da conservação ambiental para o equilíbrio do planeta.

Dica: Depois de realizar o tour de observação de baleias, você pode reservar um tour à Playa El Doradillo ou uma atividade de caiaque no Golfo San José para ver de outros ângulos à esses gigantes marinhos encantadores.

A gull and a sea lion relaxing on a rock in Peninsula Valdes

A Península Valdés recebe todos os anos milhares de animais migratórios no seu território / Fonte


2. Conhecer a vida selvagem da Península Valdés

A Península de Valdés é uma das reservas naturais mais importantes do Hemisfério Sul e um dos nove Patrimônios da Humanidad que se encontram dentro do território argentino. Com uma área de 3.625 km², este lugar foi construído com o objetivo de conservar um habitat crucial para a vida de milhares de animais que se encontram em perigo de extinção. Em suas praias, falésias e golfos é possível observar gigantescas colônias de pinguins, elefantes marinhos, golfinhos, toninas, milhares de aves migratórias litorâneas, entre outros.

Dica: a melhor época do ano para visitar a Península de Valdés é entre setembro e março. Isso porque é a temporada em que concentram-se um maior número de animais migratórios e permanentes dentro da reserva. Para viver uma experiência completa, reserve uma noite de estadia em alguma das estâncias que se encontram na Península.

A group heading out to the boat to snorkel

O tours para nadar com leões marinhos em Punta Loma incluem todos os equipamentos necessários / Crédito: Daytours4u


3. Mergulhar com Leões Marinhos em Punta Loma

Mergulhar e nadar com os leões-marinhos nas águas cristalinas do Golfo Nuevo é uma das mais incríveis atrações em Puerto Madryn. E muito fácil saber porquê: este é um dos poucos lugares no planeta que é possível aproximar-se tanto destas meigas e engraçadas criaturas marinhas. Ao contrário do que muitas pessoas podem pensar, esta atividade não requer experiência prévia como mergulhador e não é necessário ter seu próprio equipamento especial. Os tours incluem tudo o que você poderá vir a necessitar e a única coisa que você terá de se “preocupar” é escutar atentamente todas as instruções e recomendações do guia e desfrutar ao máximo dessa experiência única na Patagônia. Essa atividade é comumente realizada duas vezes, se você tem tempo e um orçamento que permita realizá-la uma segunda vez, vale muito a pena.

Dica: Se você é amante da aventura, lembre que Puerto Madryn é considerada a Capital Nacional do Mergulho da Argentina, isso graças às suas águas claras e límpidas, que permitem uma perfeita observação e interação com a fauna marinha.

Reserve seus tours em Puerto Madryn!

A penguin

Veja de pertinho os pinguins de Magalhães em Punta Tombo / Fonte


4. Visitar uma enorme colônia de pinguins em Punta Tombo

Todos os anos a Reserva Natural de Punta Tombo, localizada a 170km de Puerto Madryn recebe em seus 3 km de costa, uma colônia de aproximadamente 800.000 pinguins de Magalhães (Spheniscus magellanicus), que chegam com objetivo de ter suas crias. O mais surpreendente desta espécie que habita a zona meridional da América do Sul, é seu singular comportamento gregário. Isso quer dizer que essas aves não só possuem apenas um parceiro durante toda sua vida, como também sempre voltam a um mesmo lugar para formar seus ninhos. Os primeiros que podemos encontrar em Punta Tombo são os pinguins machos, que chegam no final de agosto para recondicionar seus ninhos. Um mês depois chegam as fêmeas para botar os ovos e chocá-los acompanhados de seus parceiros durante 40 dias. Quando começam a nascer suas crias, nos últimos dias de março, já estão preparadas para viver no Oceno e se preparam para a viagem de volta ao antártico.

Dica: Faça o Tour à Punta Tombo entre os meses de setembro à março. Escutar o canto rouco dos pinguins é uma experiência inesquecível e o melhor de tudo: esses curiosos animais não se assustam com a presença dos humanos. 

The Ecocentro perched on the coast of Puerto Madryn

Visite o Ecocentro e saiba mais sobre o rico e diverso ecossistema desta região / Fonte

5. Aprender sobre o ecossistema marinho no Ecocentro Mar Patagônia

Fazer um tour de observação de baleias, ou passar uma tarde contemplando uma colônia enorme de pinguins, elefantes e leões marinhos são experiências que se complementam com uma visita a este interativo Ecocentro de Puerto Madryn. Com uma proposta museográfica inovadora, este espaço cultural aberto há 25 anos é apropriado para todas as idades e a melhor maneira de conhecer a fundo a história ambiental da província de Chubut, por meio de exposições interativas que nos levam a adentrar o misterioso mundo das profundidades. Premiado em 2002 com o Prêmio Conservar o Futuro que entregam os Parques Nacionais da Argentina, e em 2006 com o Prêmio Melhor Museu do Ano pela Revista Lugares, este estabelecimento cultural vem demonstrando que os trabalhos de conservação e educação ambiental também podem ser atividades divertidas e interessantes.

Dica: Visite a lojinha de souvenirs para encontrar lindas lembranças de sua viagem por Puerto Madryn.

Welsh descendants carrying flags in Puerto Madryn

Os primeiros colonizadores galeses chegaram em uma embarcação chamada Mimosa, liderada pelo capitão Love Jones Parry / Fonte


6. Percorrer os simpáticos Povoados Galeses

As cidades de Puerto Madryn, Rawson, Trelew e Gaiman são as principais localidades construídas por imigrantes galeses que chegaram à Argentina para se instalar na região do Valle Inferior do Rio Chubut. Estes povoados cresceram graças ao caráter empreendedor desses pioneros, que se esforçaram em levantar seus lares e desenvolver novas atividades econômicas e culturais que permitiram uma melhor adaptação nas duras condições da Patagônia. Uma das características mais fortes dos recém chegados foram sua convivência pacífica com os povos indígenas Tehuelches e seu profundo espírito de conservação ambiental. Duas qualidades que transformaram a região em uma prolífera área de conservação ambiental, onde jovens e adultos podem observar de pertinho a vida selvagem.

Dica: A maioria dos voos aéreos chegam a Trelew, por isso, reserve antecipadamente um serviço de translado que te leve rapidamente a Puerto Madryn.

Cups ready to tea in a Welsh tea house

Viva uma experiência verdadeiramente galesa com uma cerimônia do chá galês em Gaiman / Fonte


7. Tomar um tradicional chá da tarde nas Casas de Chá Galês em Gaiman

Entre os costumes mais visíveis dos galeses que chegaram à Argentina podemos destacar as tradicionais Casas de Chá de Gaiman, onde as pessoas se reúnem para compartilhar deliciosos pães, tortas, biscoitinhos de todo tipo, acompanhados de uma variedade de chás deliciosos. A Torta Negra Galesa é uma das que não podem faltar nesta cerimônia – um pão doce típico galês, cuja receita é mantida em segredo. Outra delícia imperdível é uma fatia generosa do Queijo Chubut.

Dica: Muitos passeios que são realizados nos povoados galeses incluem esta visita às Casas de Chá Galês.

An old picture of people gathered for the Eisteddfod

Um dos primeiros Eisteddfod realizado na Patagônia, em 1880 / Fonte


8. Viver uma experiência cultural com o Eisteddfod

A celebração do Eisteddfod (estar sentado, no idioma galês) o Festival de Poesia Galesa é uma tradição muito antiga que os galeses mantém até hoje na Argentina. Neste festival, se reunem os melhores druidas da região para proporcionar uma linda competição na qual histórias e mitos são contadas principalmente no idioma galês e também em espanhol. No primeiro Eisteddfof celebrado na Patagônia, foi realizado em Rawson no ano de 1865, e a partir do ano de 1880 começou a tradição de realizar este encontro anualmente.

Dica: Hoje em dia o bardo – competição poética – é realizado na cidade de Puerto Madryn, durante o mês de agosto.

A lamb stew

Prove o delicioso cordeiro patagônico em um prato tradicional, como cawl / Fonte


9. Provar o delicioso e exótico Cordeiro Patagônico

Conhecer a cidade de Puerto Madryn e não provar um delicioso Cordeiro Patagônico é algo que não pode ocorrer. Um dos segredos deste prato é sua alimentação à base de orégano silvestre e outras espécies que se encontram nas regiões patagônicas, as quais dão ao animal um sabor característico e único. A forma mais comum é o tradicional estilo gaucho, ou seja, assado em um espeto sobre fogo a lenha, onde lentamente, vai absorvendo um sabor à defumado.

Dica: Peça seu cordeiro com molho de menta ou prove outro tipo de preparação com receitas mais típicas da região, como o cawl – guisado no idioma galês-; ou ao estilo sheperd’s pie – basicamente um escondidinho preparado com cordeiro.

A view of the Patagonian pampas

A vista do Parque Marino Costero Patagonia Austral / Fonte


10. Participar do Festival Nacional de Salmão em Camarones

Todo mês de  fevereiro, centenas de especialistas e fãs da pesca viajam 250 km ao sul de Trelew para a cidade de Camarones para celebrar o Festival Nacional do Salmão. Competições de pesca são realizadas, enquanto os amantes da comida do mar podem sentar e desfrutar o melhor marisco da região. Outras atrações são: o Parque Marino Costero Patagonia Austral e a Reserva Faunística Provincial Cabo Dos Bahías. Estas duas reservas naturais foram desenvolvidas para a conservação do habitat dos animais selvagens que vivem no litoral do hemisfério sul.

Dica: Embora não existam passeios regulares para esta área, você pode alugar um 4×4 em Puerto Madryn para conduzir através dessas paisagens deslumbrantes.

Com tantas razões para visitar a Patagônia, não hesite em reservar as melhores atrações em Puerto Madryn. Com sua vida selvagem abundante e grandes reservas naturais oceânicas, é certeza de ser ter férias inesquecíveis!

Por: Equipe de Conteúdo da Daytours4u

The post 10 Imperdíveis Atrações em Puerto Madryn appeared first on Daytours4u.

]]>
5191
4 Formas de descobrir o melhor de Medellín http://www.daytours4u.com/pt/colombia4u/o-melhor-de-medellin/ Tue, 31 Jul 2018 11:00:52 +0000 http://www.daytours4u.com/pt/?p=6939 Medellín é a segunda maior cidade da Colômbia. Venha descobrir o que a cidade da eterna primavera oferece aos seus visitantes.

The post 4 Formas de descobrir o melhor de Medellín appeared first on Daytours4u.

]]>

Medellín passou de ser conhecida como a capital da cocaína a ser uma cidade referência para o mundo. Há alguns anos, essa cidade colombiana competiu com 200 metrópoles famosas e foi escolhida como a mais inovadora do mundo. E ela faz jus ao prêmio que recebeu.

img_0089Medellín combina arte, inovação e cultura! / Foto: Lucila Runnacles – Viagem Cult


Essa cidade colombiana tem um sistema de transporte público exemplar, conseguiu pacificar várias favelas e as integrou a outros bairros implementando teleféricos, diminuiu consideravelmente as taxas de criminalidade, tem uma praça que mais parece um museu ao ar livre e todos os seus moradores são pra lá de simpáticos. Como não amar Medellín?

METROCABLE

Todos os cidadãos têm muito orgulho do seu sistema de transporte público. O seu metrô vai por cima da terra e os metrocables são teleféricos públicos. Existem várias linhas que ligam as comunas (favelas pacificadas) até as principais estações de metrô. Uma das melhores vistas de Medellín se tem do metrocable que vai até a Aurora.

img_0113
O metrocable é a estrela do sistema de transporte público. / Foto: Lucila Runnacles – Viagem Cult


Outro exemplo de inovação são as escadas rolantes que mudaram a vida dos moradores da Comuna 13. Antigamente, quem morava lá em cima tinha que descer uma ladeira gigante, equivalente a 28 andares de um edifício.

Hoje em dia, a descida é feita em apenas cinco minutos e essas seis escadas rolantes mudaram a vida dos seus moradores. Esse projeto de inclusão social acabou virando referência no mundo todo. Quando estiver por lá, não deixe de observar os belos grafites que enfeitam as paredes e alegram a vista dos moradores e turistas que passam pela Comuna 13.

Descubra Medellín com um Tour de Metrocable

img_0129Arte urbana enfeita de cores e traços a Comuna 13. / Foto: Lucila Runnacles – Viagem Cult


ARTE

O famoso artista Fernando Botero nasceu em Medellín e lá é possível ver grande parte das suas obras sem pagar nada. Botero é mundialmente conhecido por pintar e esculpir figuras “gordinhas”, essa é a sua marca mais famosa.

Um passeio pela praça que leva o seu nome no centro da cidade é um deleite para os olhos. São mais de 20 esculturas de bronze gigantes que não passam desapercebidas. E se depois desse passeio você ainda quiser conhecer mais da sua obra, bem na frente da praça fica o Museu Antioquia, um dos mais importantes do país. Esse museu reúne várias obras do renomado artista colombiano e uma coleção permanente de arte moderna latino-americana. 

Você pode chegar a  Plaza Botero de metrô, descendo na estação Parque Berrío – parada obrigatória no City Tour em Medellín.

 Conheça a vida e obra de Fernando Botero com um passeio guiado

img_0084A Plaza Fernando Botero é parada obrigatória. / Foto: Lucila Runnacles – Viagem Cult


UMA VOLTA AO PASSADO

Para se ter uma ideia de como era Medellín antigamente, basta visitar o Pueblito Paisa. A igrejinha, as casas com tetos de barro da época colonial e o chafariz no meio da praça recriam os antigos povoados antioquenhos, do início do século XX. As pessoas que nascem no departamento (estado) de Antioquia
são chamadas de antioquenhas.

O Pueblito Paisa fica em cima do Cerro Nutibara e de lá se tem uma vista fantástica da cidade toda, inclusive das comunas. Visitar esse lugar à noite é uma delícia por conta da vista iluminada de Medellín. Além de restaurantes, também dá para comprar vários souvenirs por lá.

Visite o Pueblito Paisa com o City Tour em Medellín

Vá ao charmoso Pueblito Paisa para conhecer como era Medellín no passado. / Fonte


BANDEJA PAISA & AREPAS

A comida colombiana é uma delícia de norte a sul. Desde pratos simples até os mais elaborados, todos são muito saborosos. Ninguém deveria ir embora de Medellín sem antes provar a famosa bandeja paisa, um prato mega nutritivo e abundante. A bandeja tem um pouco de arroz, feijão, patacones (banana frita e amassada), carne, abacate, ovo e arepa.

Mas realmente o prêmio culinário da cidade fica com a arepa de choclo (milho). Arepa é algo que se come no país inteiro. Em algumas regiões ela é feita de arroz, mas em Medellín a mais consumida é a de milho que tem um sabor mais adocicado e vem acompanhada de uma fatia de cuajada, queijo tipo minas. Para alegria do povo e dos turistas é comum encontrar vários vendedores ambulantes oferecendo arepas em qualquer lugar e por preços bem econômicos.  

Experimente a comida típica de Medellín com um Tour Gastronômico

Você sabia?

– Medellín é a segunda cidade mais importante da Colômbia, depois de Bogotá que é a capital do país.

– Fica em um vale, a 1.500 metros acima do nível do mar. A cidade está rodeada pelas montanhas da Cordilheira Central dos Andes Colombianos e isso ajuda para que o clima por lá seja sempre prazeroso.

– Medellín é a capital do departamento (estado) de Antioquia e todas as pessoas que nascem nesse estado são chamadas de paisas.

img_0156Veja panorâmicas de Medellín para entender sua geografia. / Foto: Lucila Runnacles – Viagem Cult


Quando ir:

A cidade tem um clima ótimo o ano todo. Afinal de contas, ela é conhecida como a cidade da eterna primavera. O clima é ameno e a temperatura média na cidade é de 24°C. O mês mais quente é julho, quando os termômetros rondam os 28°C. Outubro e maio costumam ser os meses mais chuvosos, enquanto que dezembro, janeiro e fevereiro são os mais secos.

Perfeito para…

Quem gosta de cidade grande, inovação e arte. Medellín é perfeita para viajar com amigos, sozinho, para fazer uma viagem de casal e para quem gosta de compras. Medellín tem a feira de moda mais importante da Colômbia e também é famosa pelos seus shoppings.

 

Lucila Runnacles
jornalista e autora do blog Viagem Cult

The post 4 Formas de descobrir o melhor de Medellín appeared first on Daytours4u.

]]>
6939
Ao Redor do Rio: 4 Lugares para Escapar da Capital http://www.daytours4u.com/pt/rdj4u/ao-redor-do-rio-4-lugares-para-escapar-da-capital/ Tue, 24 Jul 2018 12:00:11 +0000 http://daytours4u.com/pt/?p=5548 O Rio de Janeiro é chamado de Cidade Maravilhosa não por acaso. São belas as praias, as áreas verdes, os morros, seu centro histórico, sua eletrizante vida noturna, seus eventos marcantes como Carnaval, Olimpíadas e sem esquecer que é o lar de uma das 7 maravilhas do mundo: o Cristo Redentor. O que muitos viajantes [...]

The post Ao Redor do Rio: 4 Lugares para Escapar da Capital appeared first on Daytours4u.

]]>

O Rio de Janeiro é chamado de Cidade Maravilhosa não por acaso. São belas as praias, as áreas verdes, os morros, seu centro histórico, sua eletrizante vida noturna, seus eventos marcantes como Carnaval, Olimpíadas e sem esquecer que é o lar de uma das 7 maravilhas do mundo: o Cristo Redentor.

O que muitos viajantes não sabem é que ultrapassando os limites da capital, as cidades vizinhas do Rio também são destinos turísticos fantásticos e ricos culturalmente com muitas opções de atividades. A uma curta distância do Rio de Janeiro, você poderá fazer um tour de um dia a esses lugares encantadores e fugir um pouco do caos da capital. Aqui, você conhecerá os imperdíveis 4 Lugares ao Redor do Rio:

1. Paraty

Um lugar que parece ter parado no tempo, a cidade de Paraty está cravada entre as serras e o mar. Seu centro histórico é o cenário perfeito dos casarões coloniais, igrejas dos séculos 18 e 19 e ruas de pedra. Paraty é sinônimo de preservação, pois mantém, mesmo com o passar dos anos e de algumas transformações, seus encantos arquitetônicos e suas belezas naturais.

Paraty

Este município colonial à beira-mar é o perfeito contraste da tradição com a modernidade que apesar de toda a tranquilidade típica de uma pequena cidade, é rodeada de gente, sotaques e paladares de todas as partes do mundo. Atraindo diversos olhares, Paraty é o palco de diversos tipos de eventos de arte, como a Feira Literária Internacional (FLIP) e o Festival de Internacional de Fotografia Paraty em Foco e eventos culturais como Festival da Cachaça.

O Que Fazer em Paraty:

Percorrer o Bairro Histórico:
Conheça mais da história do Brasil percorrendo o centro histórico de Paraty desvendando os mitos e os segredos dos povos ancestrais. Com um City Tour por Paraty, você visitará os museus, casarões e as igrejas então dedicadas aos patronos e mecenas.

Assistir a um espetáculo no Teatro de Bonecos:
Em quase todos os guias de Paraty você vai perceber que esse Teatro de Bonecos é uma das programações mais recomendadas. Com a indicação de fazer reserva antecipadamente, este espetáculo já recebeu prêmios em diversas partes do mundo. São bailarinos que interagem com bonecos transmitindo situações cotidianas em dois números: “Flutuações” e “Em Concerto”.

Dar uma volta de barco:
Composta por 65 ilhas e várias praias exuberantes, Paraty é ideal para percorrer em uma embarcação que oferece vistas únicas destes cenários naturais que entornam a cidade. Ilha do Algodão, Praia da Lula, Praia Vermelha e Ilha Comprida são alguns dos belos lugares que você poderá conhecer no passeio de barco em Paraty.

Provar a cachaça artesanal do Alambique Maria Izabel:
A cachaça de Paraty é uma das “paradas obrigatórias” deste lugar. Você não pode passar por aqui sem provar uma branquinha ou uma envelhecida produzida de maneira artesanal em algumas das cachaçarias espalhadas pela cidade. Mas se você tem um tempinho a mais reservado para essa delicia alcoólica, vá diretamente ao Alambique Maria Izabel. Este sítio natural à beira-mar é aberto à visitação e você pode comprar a cachaça Maria Izabel diretamente com sua produtora.

2. Angra dos Reis & Ilha Grande

A melhor maneira de conhecer as 365 ilhas que compõe a região de Angra dos Reis é fazendo passeios de barco por todas as praias e ilhas ao longo do percurso do mar. Em um primeiro momento de chegada à cidade, você perceberá que Angra foi contemplada com uma exuberante natureza com um mar de águas verdes e cristalinas, uma diversificada e colorida vida marinha composta de peixes de variadas espécies, moluscos, crustáceos e tartarugas. Angra também é considerada uma das melhores regiões para a prática do mergulho.

Angra dos Reis

O que mais impressiona neste paraíso tropical é a cor da água: verde e cristalina / Foto: Daytours4u

A Ilha Grande se destaca dentre todas as outras ilhas de Angra, não só porque é a maior de todas e por possuir mais de 100 praias, como também porque é considerada como paraíso para os aventureiros, por seus atalhos, cachoeiras e praias desertas.

O Que Fazer em Angra

Agitar na Praia do Dentista:
Chegando a Ilha da Gipoia, a praia mais movimentada que você encontrará é a Praia de Jurubaíba, ou mais conhecida como Praia do Dentista. É a praia considerada como uma Saint-Tropez brasileira. Barcos caríssimos ancoram frequentemente nesta área, onde bares flutuantes oferecem um cardápio de caipirinhas frescas e frutos do mar de qualidade.

Mergulhar nas águas cristalinas:
Neste espetáculo natural, o que mais impressiona sem dúvida são as cores da água. Verdes e cristalinas, é o lar de uma diversa e surpreendente fauna e flora marinhas. Para quem é adepto ao mergulho profissional, pode explorar os barcos naufragados da região, mas nao precisa ser um profissional para praticar o mergulho, nas ilhas, basta usar equipamentos básicos para apreciar as belezas subaquáticas.

Caminhar pelas Trilhas em Ilha Grande:
Adentrando a Mata Atlântica na Ilha Grande, encontram-se trilhas e caminhos sinalizados que descortinam lindas praias como Lopes Mendes e cachoeiras como a da Feiticeira. Com itinerários distintos, existem variados níveis de dificuldade e de duração.

3. Búzios

Além das marcantes belezas naturais, Búzios oferece uma ampla oferta de restaurantes, pousadas sofisticadas, boates, bares badalados e um catálogo de lojas de marcas nacionais e internacionais. Com visitantes diários de todos os lugares do mundo, este balneário tem aproximadamente 20 praias com distintos perfis e atividades.

buzios

Muitos momentos como este vão aparecer diante dos seus olhos: perfeitos para fotografar!

Durante o dia, vale percorrer as praias, praticar esportes e degustar algum prato delicioso à beira-mar. Porém, Búzios não é só um lugar para desfrutar sob o sol, sua vida noturna é bastante famosa por ser agitada desde a Rua das Pedras até a Orla Bardot, onde encontram-se os melhores restaurantes, bares, músicas ao vivo, etc.

O Que Fazer em Búzios

Relaxar nas Praias:
As praias de Búzios vão de águas com ondas fortes como a Praia de Geribá a bons ventos para velejadores como nas praias Rasa e Manguinhos. Para quem está em busca de águas calmas para desfrutar com toda a familia as praias de Ferradura, Azeda, Tartaruga e João Fernandes são perfeitas.

Fotografar nos Mirantes da Praia do Forno:
Búzios com seus horizontes inspiradores e suas paisagens inesquecíveis praticamente implora ser fotografado. Não importa o ângulo, as vistas panorâmicas deste lugar são para ser registradas e enquadradas. A Praia do Forno é um dos melhores pontos para capturar imagens dignas de cartão-postal.

Curtir a noite na Orla Bardot e Rua das Pedras:
Búzios não é somente um destino de praias e de sol. À noitinha, caminhe pela Orla Bardot até a Rua das Pedras, pois é onde você encontrará restaurantes, lojas, galerias de arte, sorveterias, cafés e bares. Este é um dos pontos mais emblemáticos de Búzios e a melhor pedida depois que o sol se despede.  

Orla Bardot abriga um monumento em homenagem à atriz Brigitte Bardot depois de sua visita a Búzios / Fonte

Petrópolis

A 65 km do Rio de Janeiro, está situada a famosa cidade serrana Petrópolis. Carinhosamente chamada de Cidade Imperial devido seu fundador, nada mais nada menos que Dom Pedro II – o Imperador do Brasil. Com clima de montanha é considerada uma espécie de caldeirão cultural, seu circuito turístico oferece visitas a igrejas, teatros, museus, casarões e prédios históricos.

Petrópolis

Petrópolis ainda preserva a arquitetura e a história do Brasil Imperial / Fonte

Percorrer os salões do Museu Imperial:
Uma viagem no tempo, o Museu Imperial reúne relíquias da época do Segundo Reinado, como por exemplo um dos tronos usados por D. Pedro II, jóias, móveis e documentos. Você encontrará carruagens que usavam neste período e a locomotiva que seguia pela Estrada Ferro Mauá. Aproveite para assistir o espetáculo Som e Luz, que conta a história e os detalhes desse período no Brasil e seu imperador.

Adentrar no mundo da cerveja na Cervejaria Bohemia:
Por meio de recursos tecnológicos, como sons, luzes, painés touch-screen e videos em 3d, a visita guiada na Cervejaria Bohemia dura aproximadamente uma hora e meia. Conheça os processos da elaboração da cerveja nas salas do Mestre Cervejeiro, onde você saberá tudo sobre os ingredientes, a alquima e o método de envase até chegar ao Estudio Bohemia.

Conhecer o Parque Nacional da Serra dos Órgãos:
O Parque Nacional da Serra dos Órgãos possui três sedes, uma em Petrópolis, outra em Teresópolis e Guarapimirim. Na sede de Petrópolis você poderá fazer três trilhas: o Circuito das Bromélias, que te leva a 5 poços com piscinas naturais; a caminhada à Cachoeira Véu da Noiva onde é possível praticar rapel e cacading e o trekking até a Pedra de Açu onde você apreciará a Baía de Guanabara e o Dedo de Deus.

A praia de Copacabana não é o limite! Visite o Rio de Janeiro explorando as cidades em seu entorno para conhecer muito mais desse encantador lugar repleto de paraísos verdes e tropicais. Aproveite ao máximo sua viagem fazendo um Tour de um Dia em algum desses lugares impressionantes e leve para casa belas imagens das suas férias no Rio.

Explore o Rio de Janeiro e seus arredores com Rdj4u!

Por: Luiza Cavalcante

The post Ao Redor do Rio: 4 Lugares para Escapar da Capital appeared first on Daytours4u.

]]>
5548